domingo, 28 de janeiro de 2007

Tília e Jacarandá - Adro da Sé

Em Dezembro de 2006, no Adro da Sé de Leiria. Duas árvores monumentais e históricas. De grande porte e muito típicas. Autênticos emblemas daquela área da cidade. Tília e Jacarandá, da esquerda para a direita. Este tipo de árvore também foi plantado no próprio Largo da Sé, em substituição de árvores centenárias que lá existiam e que foram, pura e simplesmente, derrubadas. Houve alguma contestação incluindo com artigos escritos publicados na imprensa regional.
-

Tília:

Reino:
Plantae
Divisão:
Magnoliophyta
Classe:
Magnoliopsida
Ordem:
Malvales
Família:
Malvaceae
Género:
Tilia
Espécie:
Tilia platyphyllos

É uma das plantas mais solicitadas nas lojas de ervanários. É necessário trepar à árvore para colher as suas flores aromáticas, e seguidamente deixá-las secar à sombra. As flores da Tília platyphyllos Scop., a tília de folhas grandes, têm utilizações idênticas.
Componentes: óleo essencial, mucilagem, tanino, pigmentos flavónicos, manganésio.
Propriedades: antiespasmódico, colerético, emoliente, hipnótico, sedativo, sudorífico.
Indicações: acne rosácea, albuminúria, angústia, banho, cefaleias, convulsão, estômago, nervos, olhos, palpitações, pele, reumatismo, rugas, sardas, sono.

-
Jacarandá:

Árvore de porte médio, atinge cerca de 15 metros. De copa rala, esta árvore perde todas as folhas no inverno e floresce de forma abundante e magnífica no verão. A sua propagação é fácil, feita através de sementes contidas no seu fruto, verdadeiras cápsulas de madeira. Existem vários outros exemplares em Leiria mas mais nenhum com a monumentalidade deste.

Reino:
Plantae
Divisão:
Magnoliophyta
Classe:
Magnoliopsida
Ordem:
Lamiales
Família:
Bignoniaceae
Género:
Jacaranda
Espécie:
J. mimosaefolia a)

a) De acordo com as indicações constantes duma placa comemorativa dos 50 anos do Ateneu Desportivo de Leiria, colocada no Largo da Sé, junto a um jacarandá que lá tinha sido plantado na altura, a espécie desta árvore ali plantada será "J. acutifolia". Após as obras de requalificação do Centro Histórico, saneamento e novo chão calcetado, aquela placa ficou deixada ao abandono pelos cantos daquele Largo. Ainda hoje a vi, no chão, junto a um pino.

Posted by Picasa

Sem comentários:

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Leiria, Portugal
Um Viseense tão Leiriense como os que o são... O que me vai ocorrendo...